Transplantes Sem Fronteiras 2018-08-01T12:49:45+00:00

TRANSPLANTE SEM FRONTEIRAS

Projeto Transplantes Sem Fronteiras

O Grupo HEPATO atua como parceiro de diversos serviços no país, onde desenvolve medicina de alta complexidade nas áreas de hepatologia, cirurgia hepatobiliopancreática e transplantes de órgãos.

O modelo Acre é um dos principais exemplos de sucesso deste acordo de cooperação. Desde 2004, através de atendimentos mensais de médicos locais e colaboradores do Grupo HEPATO, desenvolveu-se um dos principais centros de hepatologia do país. Foram criadas ligas de estudantes de medicina, enfermagem e nutrição, educação continuada e atendimento especializado em hepatologia, cirurgia hepatobiliopancreática e transplantes de órgãos. Este trabalho culminou no desenvolvimento da cirurgia do fígado, sendo realizados rotineiramente hepatectomias e cirurgias de hipertensão portal, e de transplantes renais, que também já são uma rotina no Estado, com sucesso semelhante aos melhores centros do país. Dezenas de pacientes deixaram de necessitar do tratamento fora de domicílio e os recursos da alta complexidade, incluindo transplantes, passaram a ser dirigidos ao Estado. Em breve será implantado o transplante de fígado que beneficiará vários pacientes e estimulará a doação de órgãos.

Outros centros também já participam deste projeto como o Instituto de Cardiologia do Distrito Federal onde foi implantada uma parceria de sucesso e num prazo de 4 meses mais de 10 transplantes de fígado foram realizados com 100% de sucesso e a Santa Casa de Itabuna-Ba onde iniciou-se recentemente um programa de transplantes renais com 5 transplantes realizados com sucesso. E, um desafio recentemente superado, um sonho realizado numa região distante, foi a realização com sucesso do primeiro transplante renal no Sul do Pará, na cidade de Redenção, situada em região de difícil acesso mas que estruturou-se e hoje tornou-se uma prova que não há fronteiras para os transplantes.

Algumas outras parcerias estão em andamento e em breve novos centros iniciarão suas atividades.

Centros interessados podem fazer contato com o Grupo HEPATO que fará visitas técnicas aos locais para início de Parcerias.

Links:
“Projeto Transplantes Sem Fronteiras” – Link para Facebook https://www.facebook.com/Apattx
APAT – Conheça a Associação Para Pesquisa e Assistência em Transplante –http://apat.org.br/index.asp